Honda-e, um utilitário há muito esperado

João Crisóstomo Afonso

Well-known member
Instalou-se uma forma de pensar que deprime. Depois é a história da pandemia que mal ligamos a TV e já nos estão a martelar. A minha mãe tem medo que o bicho entre pela janela. Coitados dos velhos, uns fechados nos lares e outros em casas minúsculas agarrados ao medo.

O meu Rupert alegra pelo branco mas bem preferia um azul ou um verde. São gostos, claro, mas a preferência obsessiva dos portugueses pelos cinzentos não indicia nada de positivo.

Crisóstomo
 

João Prates

Archie Bunker
Antes de ontem a caminho da escola das minhas filhas passei por um estacionamento com uns 20 carros bem alinhados lado a lado... de uma ponta à outra era tudo cinzento.
Nem sequer um preto ou um branco, nada, tudo diversos tons de cinza. Recordei-me logo desta thread e deste meu queixume com o cinzentismo lusitano. Check!

Este Honda e acho que fica muito bem em branco porque tem o plásico preto na frente que fica a lembrar um pequeno panda, mas também fica bem em amarelo, penso eu.
Já não gosto tanto do azul. A cor azul em si até é bonita, mas carros escuros tipicamente só ficam bem em carros de média e grande dimensão, fica sempre mal em pequenos.

Por exemplo o azulão do Model S do @Luis Neves para mim é soberbo, um azul profundo, num carro das dimensões do Model S, fica muitíssimo bem.
No Honda e se fosse eu a comprar provavelmente iria para o amarelo, ou se não gostar tanto de ver o amarelo ao vivo em branco.

O Peugeot e-208 é que tem um amarelo torrado absolutamente lindo, com o top preto então... ui...
 
Fiz um teste em percurso misto e só fim de 180 km já estava na reserva e com o corpo todo dorido!
Sim, eu sei que é um citadino e que é fantástico como tal, mas é demasiado caro para o que oferece.
Acredito que não venda muito por culpa da marca, o que já estamos habituados.
E não engulo aquela porta de carregamento!
 

João Prates

Archie Bunker
é demasiado caro para o que oferece
Este é o ponto, infelizmente, porque em termos estéticos e tecnológicos o carro é bastante interessante.

E não engulo aquela porta de carregamento!
Não é muito diferente dos que carregam na frente no bico do carro como o Leaf... qual é a crise?
Bem pior são as da Tesla, do lado da estrada em vez de serem do lado do passeio, fica uma bela treta o cabo a sair a apontar para o eixo da via...!!!
 
Ah, a chuva, pois... a pergunta que sempre quis fazer: aquilo tem um ralo para escoar a água não tem?
Tem de ter bolas! Diz-me que tem...
Sim, tem.
Mas também tem uma capa, tipo avental na scooter, para tapar aquilo.
Porque, imagina num dia de neve para quem vive onde neva, e ficas com aquele buraco repleto de neve. Não é o escoamento que te vai salvar. Tens que comprar o raio da capa!
 

João Prates

Archie Bunker
Esta é cómica: sabem quantas cores havia à escolha quando comprei o Prius?
Cheguei a falar sobre isso com a TCAP há muitos anos atrás, acho que foi quando comprei o 3G PHV, ou por volta dessa altura.
Tinha na altura um 2G cinzento escuro e estava farto de ter carros cinzentos, tinha "feito click" aperceber-me que era tudo cinzento, preto e branco em Portugal.

Quando me apercebi que no 3G tinha muito poucas escolhas, e eram precisamente as cores que eu não queria, perguntei à TCAP porque raio só tinham aquelas cores.
A resposta foi clara: É o que os Portugueses compram, temos de ter o que os clientes querem.

Deram-me o exemplo de comprar carros vermelhos e azuis que ficavam meses infinitos em stock sem ninguém os comprar, alguns iam para uso na casa, ou não se vendiam.
A partir daí decidiram que carros de cores menos comuns eram disponibilizadas apenas por encomenda, porque ter stock dessas viaturas era muito "custoso".

Dito isto como sabem comprei o 3G PHV em azul, era a cor oficial de lançamento do carro, não era muito complicado conseguir, mas no 4G PHV já tive de especificar vermelho sabendo que ia ficar com meses de espera, e no interior já estava o carro encomendado à fábrica quando me deu a "panca" de querer o interior claro depois de ver um vídeo no YouTube de um vermelho com esse interior que me deixou apaixonado. A TCAP chamou-me uns quantos nomes, a brincar, e lá tentaram e conseguiram alterar a encomenda na fábrica, que por sorte ainda não tinha ficado "trancada".

Em resumo: As marcas vendem o que as pessoas querem, quem tem de mudar são as pessoas, não são as marcas.

As pessoas querem SUVs, as marcas vendem SUVs, as pessoas querem carros cinzentos, as marcas produzem carros cinzentos...
Se decidir o formato de uma nova viatura a lançar é complicado (SUV/Sedan/Hatchback/Coupé/etc), já escolher a cor da tinta não custa nada mudar... mas as pessoas não mudam!
 
Última edição:

Telmo Salgado

Moderator

Rui Amaral

Active member
Um portento tecnologico mas nao vale o que pedem por ele.
 
Top Inferior