Diário de Bordo do Rei Zoom

Bruno R. Almeida

Active member
Boa noite,

Esqueci-me de contar que por Maio o Rei Zoom teve de trocar as Baterias!!!!!!

Sim é verdade, apesar de ser de 2013 as baterias do comando já estavam esgotadas!

Custo final cerca de 7€ numa casa da especialidade em comandos de automóveis e cópias de chaves
 

Luis Neves

Moderator
Staff
Cliente Ecowatt
Os Toyotas também costumam ter esse defeito. Afetou o meu 3G, o 3G PHV e há dias o 4G PHV disse que não detetava a chave por instantes, apesar de estar dentro do bolso no interior do carro. Deve estar quase a precisar...de resto, mais nenhuma reclamação em mais de 200.000 km totais dos 3 carros, que vida monótona e sem sal....:)
 

Bruno R. Almeida

Active member
Boa tarde,

Apenas um pequeno update, que na realidade não tem propriamente que ver com o Rei Zoom, mas que parece interessante.

Desde há cerca de 1 semana que o Rei Zoom foi "inundado" de irmãos mais novos (leia-se Leaf's2.0) e outros tantos PHV.

Após verificar como departamento de imagem, fiquei a saber que a empresa onde ao dia de hoje trabalho, quer se tornar a 1ª empresa nacional onde toda a frota do Grupo é eletrificada, nomeadamente com BEV para os comerciais e directores, e PHV's para direcção de topo e directores gerais.

Na realidade a troca está a ocorrer conforme o fim de contrato de Renting dos antigos Clios DCI mas a direcção de topo já está toda remodelada com BMW serie 5 PHV e Mercedes classes E PHV também.

Notei esta semana a troca de fichas "normais" por Wallbox, no entanto desconheço ainda a potencia de carregamento.
 

Bruno R. Almeida

Active member
Bom dia, finalizado o mês de Setembro, fica registo para memoria futura.



Com uma média de 13kWh/100km. Com uma redução de CO2 de 246kg
 

Bruno R. Almeida

Active member
William, na realidade durante a semana leva sempre um carregamento em final de dia:

1 - Para aproveitamento do tarifário de Bi-horário;
2 - A autonomia não é suficiente para fazer um dia completo se não carregar. (+/- 65km/dia).

Bem sei que poderia carregar sempre em Lisboa e não ter qualquer custo com a eletricidade, mas isso iria colocar no meu dia mais um fator de stress. E isso já eu tenho a rodos.

Além do mais, sempre paguei a gasolina que colocava no ImBatível, por isso, até estou com uma redução de custos!
 

Bruno R. Almeida

Active member
Bom dia, sendo hoje dia 7 já deveria ter deixado para memória futura os nossas passeatas de Outubro.



Outubro foi um mês gtrande com 31 dias dai talvez o maior número de km do que em Setembro.

A Velocidade média é a possível em percursos citadinos:

 

Bruno R. Almeida

Active member
Bom dia,

Na passada 4º feira, tive a confirmação de que a tecnologia elétrica associada a mobilidade é atualmente a melhor opção em diversos campos.

Passo a relatar a nossa aventura, o panorama da viagem era a seguinte:



O caricato da situação prendesse com a autonomia estimada do Rei Zoom. 9km em D, 10km em ECO.

Sendo a viagem de +/-21km adivinhava-se um carregamento algures para chegar a casa, mas sendo de noite e tendo as miúdas no carro queria era ir para casa.

Como tal avançamos destemido com a ideia de que provavelmente seria nesse dia que iriamos chamar o reboque.

Pois bem, tal não aconteceu e ainda chegamos com 7km de autonomia estimada em D e 8 km em ECO.

Para quem é de Lisboa, a Viagem começou na Ramada, Odivelas, na chegada a Loures a autonomia estimada já era de 17km em ECO, a preocupação principal foi controlar consumos vs velocidades regulamentares. Pensamos em ir até ao PCR da BP na Povoa de Santa Iria, mas isso implicaria uma subida extra que não nos agradou

Ou seja, foi um desafio engraçado apenas quando chegamos a casa, mas a tecnologia com a sua capacidade de regeneração permite este tipo de viagens conhecendo a topologia do terreno.
 

Bruno R. Almeida

Active member
@Joao Ferreira depende sempre do andamento, mas "num dia normal" entre 90 a 70 km, dependendo muito dos factores externos.
 
Top Inferior