C-Evolution desaparece do catálogo BMW Motorrad (site .PT)

João Prates

Moderator
CKL
Já era sabido que a BMW iria terminar a produção da C-Evo, não se sabia (eu pelo menos) é quando isso iria suceder, e quando fechavam as encomendas.
Pelos vistos já foi.

É triste, ver a BMW a matar um modelo sem ter qualquer alternativa na frota, e pior, sabendo que não há sequer alternativa semelhante no mercado, seja em que marca for.
Os gestores da marca devem andar a fazer muitas viagens entre Munique e Wolfsburgo, só pode, é lamentável.
 

Joao Ferreira

Moderator
a c.evo tinha o seu público alvo e era a meu ver uma excelente alternativa para a mobilidade urbana.
a mobilidade eléctrica de duas rodas sofreu mais uma facada com esta saída. o que nos resta? uma mão cheia de nada... Os motars estão condenados a queimar liquido
 
Bem, a BMW tinha o contra do preço de aquisição, razão pela qual, a meu ver, não teve mais sucesso.
Já por várias vezes procurei no mercado de usados...
Agora dizer que não existe mais nada no mercado, também não será bem verdade: tens a Zero que é uma opção bem interessante para agradar o motard!
A nível de scooters é que a oferta se resume a umas chinesas e à Vectrix, que enfermam por não oferecerem o ABS, inadmissível nos dias de hoje.
 

João Prates

Moderator
CKL
Agora dizer que não existe mais nada no mercado, também não será bem verdade: tens a Zero que é uma opção bem interessante para agradar o motard!
Só podes estar a gozar... achas que uma C-Evo que custava 13K era cara, mas falas nas zero que custam para cima de 20k... boa...
E já agora: A Zero não vende em Portugal, só importadas, seja por ti seja por gulosos de stand na praça.

EDIT: Estou a falar de modelos actuais (2020); modelos antigos de anos anteriores são mais baratos, mas esses não me interessam, por variados motivos.

A nível de scooters é que a oferta se resume a umas chinesas e à Vectrix
Estava a falar de motas, não de brinquedos.
 
Última edição:

João Prates

Moderator
CKL
A C-Evo tinha uma coisa que mais nenhuma tinha, tirando os brinquedos caros para passeio de verão como a Vectrix: Era uma maxi scooter.

Quem utiliza as motos como primeira forma de se movimentar, o ano todo, e não apenas para passeio de menino riquinho de verão, sabe bem a diferença que isso importa.

Nunca mais me esqueço de uma vez que deixei a C-Evo na oficina por um qualquer motivo ter recebido uma ICE normal para ir para casa... à chuva... PQP aquela porcaria, jurei para nunca mais!

1599996677972.png
 

Léo Grova

Well-known member
É completamente verdade - as Scooters são imbatíveis na sua facilidade de uso/ praticalidade.
Durante largos meses (anos) , tive uma moto desportiva e uma scooter na garagem.
Sabem qual é que eu usava 98% das vezes?
Acontecia-me sair da porta de casa com a decisão de levar a desportiva... ao sair da garagem, ia de scooter.

Acabei por vender a desportiva...
 

Joao Ferreira

Moderator
bem por aqui é o oposto.
tive uma scooter (125cc) e agora tenho uma nc700x dct.
não tenho saudades da scooter, em termos de consumo é equivalente.

trocava a Honda por uma eléctrica, sim. se a eléctrica não custasse o mesmo de um carro :)
 

João Prates

Moderator
CKL
ahahah essa é para rir ó @Joao Ferreira!

Quando tu andares de mota o ano todo vem cá falar sim?

Tu que tens um Prius e um Outlander na garagem a querer mandar bitaites sobre qual o melhor formato para rolar o ano todo em 2 rodas... é mesmo para rir...

Ainda para mais comparando uma 125 com uma 700... tem tudo a ver...

Enfim, como se costumava dizer, perdeste uma boa oportunidade de te manter afastado do teclado LoL
 

Joao Ferreira

Moderator
tens razão, mas o ímpeto de escrever foi maior.

É verdade que só ando no verão mas o que referi é válido.
a ciclistica é vital numa boa mota, a minha não perde em conforto para a scooter.. quando ao motor fiz a referência pois não são todas as 700cc que conseguem médias abaixo dos 3lt aos 100..
 

João Prates

Moderator
CKL
a minha não perde em conforto para a scooter
O resguardo aos elementos de uma scooter não tem paralelo.

As pernas praticamente não sofrem nada, e não é preciso uma viseira muito alta para que o dorso também não sofra muito, ficando apenas os braços vulneráveis, como não podia deixar de ser.
Se meteres um pára-brisas de grandes dimensões específico para o inverno, então a coisa muda ainda mais radicalmente a favor da scooter, não rigorosamente nada a ver com uma tradicional.

Há tipos que ainda compram aquelas capas xpto para proteger em andamento, e nesse caso desconfio que seja mais parecido com conduzir de automóvel no que à àgua diz respeito.
Mas a condução sem isso é tão confortável que nunca me senti tentado a comprar uma capa dessas, que acho super desconfortável em termos de movimentação e ciclística. São gostos.

Para mim um bom (excelente) casaco e umas boas (excelentes) luvas, idem para as botas, e são o suficiente.
Para teres ideia, eu nas pernas vestia um dos impermeáveis finos e baratos da decathlon por cima das calças normais, e chegava e sobrava, era chegar ao emprego e tirar, simples.
 
O mais provável é que tenha sido por falta de vendas... Vejo tão poucas na estrada...

Pergunta honesta, não é terrível andar de mota com tempo de chuva face à aderência à estrada?
 

Bruno R. Almeida

Well-known member
Pergunta honesta, não é terrível andar de mota com tempo de chuva face à aderência à estrada?
Como o @João Prates já referiu anteriormente, creio que com um bom casaco, luvas e botas e tas minimamente habilitado a conduzir.

Passo o meu exemplo: desde Dezembro de 2013 que ando de "aspirador", mesmo no Inverno (todos os dias do Inverno). A nível de vestuário comprei um impermeável de vela da Decatlhon (cerca de 70€ = casaco + calças).

Quanto a condução, claro que tens de antecipar travagens e trajetórias. E muitas das vezes os vidros embaciados dos outros condutores, assim como a falta de mudança de via de transito sem aviso (péra, esta também acontece no Verão). Tirando isso por Lisboa é mais ou menos pacifico (os condutores da 2ª circular já estão habituados as motas)
 

Telmo Salgado

Moderator
Oferecer, não será bem o termo... :LOL:
 

Bruno R. Almeida

Well-known member
@João Prates e mais iniciantes a motard's,

O meu "fato" de vela é apenas para os dias de chuva e vem complementar o equipamento do dia a dia, trata-se de proteção extra apenas contra a chuva (apesar do casaco da mota indicar que aguenta não sei quantos litros/hora).

(desculpem o off-topic)
 
Top Inferior